O grito que vem da boleia

Passaram por julgamentos sem consistência e validade, sendo que quando ecoaram na linha abaixo do equador, pararam todos os demais, não sobrando ninguém para contrapor.

Um gigante adormecido, que da noite para o dia, acordou, fazendo muito barulho, parando estradas, ferrovias, portos, campos, cidades, estados, enfim parando todo o processo, sendo ele produtivo, industrial, mecânico, terciário, agrícola, comerciário, dizendo com poucas palavras, estamos aqui, chegamos, e queremos o reconhecimento ao qual não temos, portanto, vamos colocar as cartas na mesa, e vamos tecer uma conversa, trabalhamos, passamos meses longe de nossos filhos e esposa, nos vemos poucas vezes por mês. Portando vamos dizer o que queremos, não queremos nada do que não e nosso, apenas o que nos foi tirado. Não estamos falando em malas de dinheiro, compras de apartamentos caríssimos, nem de almoço de mil reais, estamos apenas querendo o que e nosso, para que tenhamos dignidade, juntamente com todos os nossos companheiros e família; não estamos obstruindo nada, a causa não e somente nossa, e, toda a nação brasileira, e do povo brasileiro, aos quais não são representados por quem deveriam representa-los, portanto queremos o que e nosso. Nos caminhoneiros, transportamos tudo e todo em nosso país, tudo ou quase tudo passa pelas rodas dos nossos caminhões, que enfrentam chuva e sol, diariamente, para colocar comida na casa do nosso irmão, no centro oeste, no norte, no nordeste, no sul e no sudeste. Portanto o nosso protesto e pacifico e ordeiro, não estamos agredindo ninguém, em nenhuma parte do território nacional, pelo contrario. Estamos sendo agredidos, por políticos incoerentes, empresários irresponsáveis, a mídia alienada e que só veiculam  as mentiras, as quais são, do que lhes e habitual, pois vivem e respiram tais praticas, nunca as verdades! Tem interesses obscuros e inadequados, portanto usam dos meios ilegais, como, todos os poderes, desta nação, queremos justiça, não estamos cobrando nada que não seja nosso, queremos os nossos direitos, os seus deveres, e o respeito de todos os cidadãos para com a nossa classe. Todo o processo produtivo,  começando pela matéria prima, processamento, armazenamento e comercio, sofrem os seus devidos reajustes de preços, ficamos no meio do caminho, sendo que tudo passa pelas rodas dos caminhões, mais esquecem se disto, pois os devidos reconhecimentos e alterações que precisam serem feitas, nunca são, e quando são feitas. São feitas de uma forma irresponsável, corrupta e direcionada para grupos e classes, as quais não nos representam, e que não se trata de um reajuste, mais apenas de uma pequena correção, que nunca atinge o corrigível, portanto precisamos de politicas serias, porque em curto prazo todo o processo de transporte do país, estará sucateado e os meios de logística de médio e grande porte, deixarão de existir, isto sem falar no pequenos, que já terão sidos extintos. Sendo assim não estamos quebrando, denegrindo, excluindo, bloqueando estradas, estamos apenas negociando, com as armas que temos, e já demonstrado que e uma arma com grande poder de fogo, deixando todos os estados da federação, em uma situação de dependência total, de nos caminhoneiros, não queremos utilizar munição pesada, portanto nos escutem, antes que seja tarde demais. Somos de paz, aprendemos apenas a trabalhar, e honrar nossos amigos, nossos familiares, e à todos os nossos companheiros, aos quais encontramos todos os dias pelas estradas de nosso belo país. Saímos cedo, nossa jornada e dura, presenciamos acidentes das mais variadas gravidades, as vezes nos envolvemos em acidentes de pequeno e médio porte, mas estamos todos os dias que Deus nos da, lutando, e lutando em prol da família, na nação e do progresso deste belo país, sempre somos excluídos de todos os atos, das vantagens, que são direcionadas à outros grupos e classes. Que acontecem em nossas comunidades, em nossas cidades, em nossas famílias, pela obrigação de não podermos estar presentes,  sendo que estamos sempre ausentes, mais isto não e da conta de ninguém; pois precisamos transportar tudo através dos pneus de nossos caminhões, não estamos reclamando ou querendo reconhecimento, pela profissão que escolhemos, queremos apenas respeito e que nos tratem com dignidade, não estamos pedindo nada, queremos apenas o que e nosso. Precisamos que nossos pedidos sejam atendidos, pois estão totalmente desatualizados e ultrapassados, estamos pagando para trabalhar, e isto não e um estado democrático de direito. Esta causa e um causa nobre, a causa de todo o  povo brasileiro. Somos todos caminhoneiros, precisamos mudar este sistema corrupto e ineficaz, não dando ouvidos aos alienados, e principalmente não dar ouvido a mídia alienada e corrupta. Isto não e uma luta, e uma manifestação contra o que se instaurou neste país, a inercia e um estado estático e ultrapassado, com pessoas despreparadas e ignorantes, que não são capazes de administrar nem seus banheiros, quanto mais um país do tamanho de Brasil, precisamos vencer esta estagio degradante, e vencer este estado estático, que sem compromisso com o povo, chega de tanto roubo e de todo tipo de desrespeito, que acontecem com tanta irresponsabilidade por parte dos ante dirigentes deste país. Lutar pelo coletivo e não pelo individual, os direitos para todos e todas. Motoristas brasileiros, o povo brasileiro, estarão todos interligados com a vossa causa, que e nossa causa, que e a causa do Brasil, e uma questão de ordem e progresso pro Brasil, que não merece o estado atual, que e a desordem e dês progresso. Precisamos vencer este estado de regressão em nosso país. Porque temos que pagar um preço, ao qual não nos pertence, já pagamos altas cargas tributarias neste país, ao qual não somos responsáveis, somos responsabilizados pelas irresponsabilidades de outros, aos quais não trazem nenhum beneficio para a nossa pátria, vamos mudar esta historia, chega de pagarmos o que não devemos, precisamos estancar esta sangria, ela não nos pertence. Somos gente honesta, trabalhadora e que cumprimos com os nossos deveres, porque não, presidente, senadores, deputados, juízes, desembargadores, e demais funcionários públicos dos altos escalões, porque o povo precisa paga-los, precisamos de uma reforma urgente neste país, sem políticos, sem militares, sem forças armadas, sem força nacional, sem policia federal. Precisamos tomar de conta do que e nosso, o país pertence ao povo brasileiro, não à meia dúzia de pessoas do mais baixo calão, as quais não nos representam, buscam somente os seus próprios interesses e dos seus, familiares, amigos e aliados, brigam como cães e gatos, mas comem no mesmo coxo. Sendo que esta e a hora de todo o povo brasileiro se unir, e mostrar sua força, esta força vencera a força contraria dos poderes deste país, sendo que esta força contraria dominante, não domina nada, já ficou provado nos atos assistidos pelo mundo inteiro, no Chile, foi desta forma, ou os representantes nos representam ou não. Já esta mais que provado que todos os poderes representam apenas seus interesses e dos seus. E chegada a hora, não temos mais tempo, ou agiremos ou o nosso futuro estará totalmente comprometido, com a ineficiência e irresponsabilidade da força contraria, vamos que a hora chegou, não temos tempo. O povo requer o que lhe e de direito. O desejo de uma nação inteira e maior que meia dúzias, de oportunistas e ante brasileiros, que estão unidos pelo seu bem comum, e não o bem comum de todos, são individualistas e todos interligados com o grande capital especulativo e dominante deste século. Vamos a luta a vitória e nossa de nosso país e de todo o povo brasileiro, que busca aos interesses do povo brasileiro, e não os interesses individuais. O povo e o único que tem compromisso com o povo, portanto o povo precisa se unir, em prol de seu objetivo, sendo que o seu objetivo, atingira a todos os brasileiros, diferentemente dos poderes desta republica que lutam somente por seus interesses, sendo que foram delegados para atender os interesses de todos os brasileiros, o povo não tem saída senão a união do povo brasileiro, contra os poderes, pois os poderes não tem compromisso com o povo, somente o povo tem compromisso com o povo, vamos sair as ruas, e lutar por todos os brasileiros, que unidos serão fortes, e com toda certeza, deste momento, à começar hoje, tendo como objetivo a vitória sobre todo mal que nos assola, venceremos o mal dos poderes, implantados na republica federativa do Brasil, vamos o Brasil, pertence aos brasileiros, e somente os brasileiros pertencem ao Brasil. Os caminhoneiros precisam do Brasil, o povo trabalhador que e a base da economia deste país, o Brasil precisa deles, porem os demais estão descartados. A barbárie que à aplica, não são, do Povo de bem, nem dos caminhoneiros, e sim os poderes que podem ser descartados. Avante Brasil, juntamente com o povo de bem e trabalhador e os caminhoneiros, somente estes bastam. Os demais poderão esperar pela próxima oportunidade, que em breve vira. Precisamos nos unir em prol de uma vitória completa para o Brasil e o povo brasileiro de bem. A nos povo do bem, estaremos unidos, pelo nosso país, seremos contrariamente, aos poderes que buscam somente a destruição da base econômica do Brasil, estes tipos precisam ser expurgados e descartados de quem não tem comprometimento com o nosso país.

Denunciar conteúdo

Tem algo a dizer? Esse é seu momento.

Se quer receber notificações de todos os novos comentários, deve entrar no Beevoz com o seu utilizador. Para isso deve estar registado.